Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso

Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso
Av. André Maggi nº 6, Centro Político Administrativo Cep: 78.049-901- Cuiabá MT.

Baronês Cuiabá

Baronês Cuiabá
O cardápio mais nobre de Cuiabá.

Prefeitura de Cuiabá

Prefeitura de Cuiabá
Praça Alencastro, Cuiabá, 78005-906

Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso

Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso
Cons. Benjamin Duarte Monteiro, Nº 01, Ed. Marechal Rondon

segunda-feira, 30 de maio de 2022

Sobe para 84 número de mortes por chuvas no Grande Recife

Um total de 79 mortes foi registrado somente entre sexta e domingo. Número de desaparecidos é incerto. Nove municípios de Pernambuco decretaram emergência devido às chuvas que castigam a região há quase uma semana.O número de mortos pelas chuvas torrenciais que atingem a região metropolitana do Recife subiu para 84 neste domingo (29/05), segundo o governo de Pernambuco.
O número de desaparecidos é incerto, afirmou o governador Paulo Câmara (PSB) no início da noite. O balanço anterior, divulgado pela tarde, contabilizava 56 desaparecidos.
"Ainda não sabemos esse número com precisão, mas há relatos de vítimas dos acidentes das chuvas que não foram localizadas. Os trabalhos de busca vão continuar até haver condições para se identificar todos os desaparecidos", sublinhou o governador.
Também há registro de 3.957 desabrigados, especialmente nos municípios da Região Metropolitana da capital. As chuvas castigam o estado desde a segunda-feira.
A primeira morte foi registrada na quarta-feira. Um total de 79 mortes foi registrado somente entre sexta e domingo, principalmente na Região Metropolitana. O episódio mais trágico ocorreu no bairro Jardim Monte Verde, limítrofe entre Recife e Jaboatão dos Guararapes, onde 20 pessoas morreram quando um deslizamento de terra arrasou dezenas de casas. Bombeiros e militares deslocaram-se para o local para ajudar nas operações de resgate, das quais participaram também centenas de vizinhos.
Reginaldo Ramos foi um dos sobreviventes do deslizamento, mas perdeu 11 familiares, entre eles a filha, de 31 anos. "Eu e a minha mulher estávamos na cozinha e conseguimos ser resgatados, porque [o deslizamento de terra] só nos enterrou a parte de baixo do corpo. A minha filha estava no quarto e ficou completamente soterrada", relatou, ainda em choque, à agência de notícias espanhola Efe.
Em meio a uma trégua da chuva, cerca de 1.200 militares - segundo o governo do estado - do Corpo de Bombeiros, Defesa Civil, Polícia Militar e Assistência Social, com auxílio de helicópteros e barcos, haviam retomado os trabalhos de busca por pessoas desaparecidas pela manhã de domingo. A tempestade vem provocando deslizamentos de terra em morros, transbordamento de rios e grandes torrentes de lama.Equipes de resgate estão trabalhando com o auxílio de cães farejadores e equipamentos em busca de desaparecidos. Ao todo, 593 pessoas que ficaram ilhadas em várias localidades foram resgatadas desde sábado.
De acordo com a Defesa Civil de Pernambuco, embora as chuvas tenham diminuído, ainda há risco de deslizamentos. A Defesa Civil estadual orienta que moradores de áreas de risco deixem morros e encostas e busquem abrigos seguros.
O impacto dos temporais levou nove municípios a decretarem situação de emergência: Recife, Olinda, Jaboatão dos Guararapes, São José da Coroa Grande, Moreno, Nazaré da Mata, Macaparana, Cabo de Santo Agostinho e São Vicente Ferrer.
O presidente Jair Bolsonaro anunciou em suas redes sociais neste domingo que irá a Pernambuco para "melhor se inteirar da tragédia".
Neste domingo, equipes dos ministérios do Desenvolvimento Regional, da Cidadania, da Defesa, da Saúde e também das Forças Armadas foram para o Grande Recife, com a participação dos ministros das respectivas pastas.
jps (AFP, Agência Brasil, Lusa, ots)cp
@caminhopolitico @cpweb
www.caminhopolitico.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ame,cuide e respeite os idosos