Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso

Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso
Av. André Maggi nº 6, Centro Político Administrativo Cep: 78.049-901- Cuiabá MT.

Baronês Cuiabá

Baronês Cuiabá
O cardápio mais nobre de Cuiabá.

Prefeitura de Cuiabá

Prefeitura de Cuiabá
Praça Alencastro, Cuiabá, 78005-906

Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso

Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso
Cons. Benjamin Duarte Monteiro, Nº 01, Ed. Marechal Rondon

terça-feira, 31 de maio de 2022

Wellington defende patrulhas rurais contra roubo de cargas e violência no campo

Senador também defendeu o fortalecimento da estrutura da Polícia Rodoviária Federal e mais recursos para o Programa Vigia do Ministério da Justiça. O senador Wellington Fagundes (PL-MT), presidente da Frente Parlamentar de Logística e Infraestrutura (Frenlogi), defendeu o fortalecimento das ‘patrulhas rurais’ como medida fundamental para combater os roubos de cargas e também eventuais casos de violência no campo. Ele participou nesta segunda-feira, 30, do 1º Seminário sobre Roubo, Adulteração e Furto de Fertilizantes, promovido pela Associação Nacional de Agenciadores de Transporte de Cargas (ANTC), em Rondonópolis.
A entidade tem manifestado preocupação com o elevado número de casos de roubo de fertilizantes, que, em função dos preços, passaram a ser alvo dos criminosos. Fagundes ressaltou que a questão dos roubo de cargas é tema que merece prioridade nos debates sobre segurança pública no Congresso Nacional, mas observou que a questão tem influência direta sobre a economia. São 14 mil a 14 mil e 500 ocorrências por ano. Ou seja: mais de 1.200 casos de roubo de cargas por mês no Brasil, 40 casos por dia.
Tais registros, segundo o senador, afetam a formação do preço do frete, onerando a produção e também o preço final ao consumidor. “Portanto – ele enfatizou - temos dois problemas: o de segurança pública porque estamos diante de muitos casos que resultam em sequestros e mortes, e, o econômico, porque cada ocorrência resulta em peso no bolso da população”.
Os fertilizantes respondem por aproximadamente 40% dos custos dos agricultores, hoje diretamente afetados por questões internacionais, principalmente a guerra em uma das principais regiões produtoras de fertilizantes do mundo, o que, deve reduzir a oferta e majorar os preços ainda mais, tornando o produto ainda mais cobiçado por criminosos e oportunistas.
Para o senador mato-grossense, no entanto, a iniciativa de formação da Patrulha Rural em Mato Grosso pode contribuir de forma direta no combate a esses crimes em todo o Brasil. Em Rondonópolis, a iniciativa já está em pleno funcionamento, com um total de 1.600 propriedades rurais cadastradas nos 15 municípios que compõem o 4º Comando Regional da Polícia Militar.
Além da Patrulha Rural, Fagundes também defendeu o fortalecimento da estrutura da Polícia Rodoviária Federal, que, segundo ele, tem feito um grande trabalho no combate aos mais diversos tipos de crimes, como o tráfico de drogas e de armas. A PRF também tem atuado nos crimes ambientais e também no roubo de cargas, além dos crimes transnacionais, com ações efetivas de vigilância na faixa de fronteira. “Sabemos que muitas das cargas roubadas são levadas para além fronteira e a PRF tem sido efetiva nessa ação” – pontuou.
Programa Vigia
Durante palestra no Seminário, o senador do PL de Mato Grosso destacou a ação parlamentar junto ao Ministério da Justiça para estruturação do Programa Vigia, que consiste na realização de operações integradas, aquisição de equipamentos, capacitações de bases operacionais com integração dos sistemas. No ano passado, foram empregados R$ 27 milhões na compra de equipamentos destinados aos profissionais de segurança pública.
A nomeação de mais 625 policiais aprovados no concurso público para a PRF, segundo o senador, mostra também o compromisso do presidente Jair Bolsonaro com a instituição. Ele reafirmou seu comprometimento com o projeto do presidente. “Juntos, vamos seguir buscando o fortalecimento e estruturação da PRF” – frisou.
Assessoria/Caminho Político
@caminhopolitico @cpweb
www.caminhopolitico.com.br

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ame,cuide e respeite os idosos