Governo de Mato Grosso

Governo de Mato Grosso
Palácio Paiaguás - Rua Des. Carlos Avalone, s/n - Centro Político Administrativo

PREFEITURA DE VÁRZEA GRANDE

PREFEITURA DE VÁRZEA GRANDE
AV. CASTELO BRANCO, 2500 - CENTRO SUL, VÁRZEA GRANDE

sábado, 9 de julho de 2022

BEM ESTAR ANIMAL: Expoagro preza pelo bem estar e cuidados dos animais da feira

Todos os animais são recebidos no Parque de Exposição mediante fiscalização do Indea e responsável técnico e recebem tratamentos adequados. Os animais são grandes atrações das exposições agropecuárias. Na 54ª Expoagro, o público pode verificar a beleza e força de cavalos nas provas equestres, touros no rodeio e ovinos na exposição de pequenos animais. Mas para que eles estejam bem durante o evento, há a preocupação de proprietários, órgãos públicos e do Sindicato Rural de Cuiabá com o bem estar animal, que recebe tratamento respeitoso em aspectos como manejo sanitário e sem violência.
“Quando são realizados eventos no parque de exposição, fazemos um projeto para receber estes animais. Ao chegarem aqui, são recebidos pelo Instituto de Defesa Agropecuária (Indea), um fiscal e um responsável técnico. Só então, com o manejo sanitário em dia, eles desembarcam no parque. Ainda é realizado um check-list para verificar se nenhum animal está machucado”, explica Daniel Monteiro, veterinário e diretor do Sindicato Rural de Cuiabá.
Os ovinos, por exemplo, são trazidos pelos proprietários e recebem checagem para fiscalizar possíveis problemas sanitários. “Qualquer animal que entra no parque de exposição é fiscalização, muitas vezes tendo que respeitar quarentena”, diz Monteiro.
Na hípica do parque há 36 cavalos e, segundo o responsável, Caio Paes de Barros, todos têm acompanhamento de veterinários, tratadores e treinadores. Durante as provas equestres da 54ª Expoagro, a atenção é redobrada por causa do maior movimento de pessoas e o barulho no local. “Temos uma equipe multidisciplinar para dar todo o cuidado para os animais, são três veterinários atentos ao estresse que isso pode causar”, explica Caio.
Na prova de hipismo, segundo ele, existem regras claras para que o cavalo possa competir como estar bem alimentado, ter exames e vacinas em dia, não pode estar fadigado, nem demonstrar dor. “Nossos cavalos têm um tipo de encilhamento e embocadura para não se machucar, a vara de salto tem um gancho que, se tocada, cai sem risco de machucar”, conta Caio Paes de Barros.
Estrelas do rodeio, os touros também têm tratamento especial durante a competição. Os animais têm acompanhamento diário, ração balanceada energética e silagem de milho. “Estes são os tratos do dia a dia. Quando vêm para rodeio, há cuidados como transportar para o local o mais próximo possível do horário do evento. E ao final do rodeio eles retornam ara o pasto”, explica Rosimar de Jesus, da companhia de rodeio ‘É o Bicho’, de Rondonópolis.
Ele trouxe dez animais para o rodeio da 54ª Expoagro e informa que da cidade sede até Cuiabá, há cuidados extremos no transporte. “O animal pode viajar, no máximo, 500km por dia, passou disso tem que parar para descanso. O caminhão é próprio para eles, com cama de palha e piso emborrachado. Ainda verificamos os melhores horários de viagem com temperaturas amenas”, diz Rosimar.
A 54ª Expoagro segue até domingo (10.07) com diversas atrações, como shows regionais, parque de diversões, praça de alimentação e muito mais. Acompanhe tudo em @expoagrocuiabamt e @sindicatoruralcuiaba
Assessoria/Caminho Político
Foto: Júlio Rocha/AgroNews
@caminhopolitico @cpweb

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ame,cuide e respeite os idosos