Governo de Mato Grosso

Governo de Mato Grosso
Palácio Paiaguás - Rua Des. Carlos Avalone, s/n - Centro Político Administrativo

PREFEITURA DE VÁRZEA GRANDE

PREFEITURA DE VÁRZEA GRANDE
AV. CASTELO BRANCO, 2500 - CENTRO SUL, VÁRZEA GRANDE

quarta-feira, 13 de julho de 2022

Dia do Engenheiro Florestal: Crea-MT destaca atribuições do profissional da área

No dia 12 de julho é comemorado o Dia do Engenheiro Florestal, profissional que estuda a dinâmica das florestas e seus ecossistemas e desenvolve projetos de exploração dos recursos florestais com o objetivo de minimizar os impactos ambientais. No âmbito do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Mato Grosso (Crea-MT), um dos representantes da profissão é o vice-presidente da autarquia e presidente da Associação Mato-Grossense dos Engenheiros Florestais (Amef-MT), conselheiro, eng. florestal Benedito Carlos de Almeida, formado pela Universidade Federal de Mato Grosso, em 1999.
Segundo o engenheiro florestal, a possibilidade de poder trabalhar em prol da preservação ambiental foi o que despertou seu interesse pela graduação. “Fazer um curso que iria me permitir fazer parte do processo de recuperação do meio ambiente, por meio de práticas sustentáveis e do desenvolvimento de tecnologias que garantam o abastecimento da indústria e a preservação da natureza me fascinou”, disse.
De acordo com ele, a formação acadêmica no ramo da Engenharia Florestal, capacita o profissional para trabalhar em diversas áreas, como: Gestão Ambiental, desenvolvendo atividades de gerenciamento de unidades de conservação e preservação ambiental; Manejo Integrado de Bacias Hidrográficas; Elaboração e execução de projetos de arborização e paisagismo, entre várias outras.
“Nós, profissionais da área, estamos preparados para implantar técnicas de exploração sustentável de recursos florestais dos mais diversos biomas, podendo atuar também em atividades de recuperação de áreas degradadas, licenciamento ambiental, conservação, geotecnologia e em indústrias que utilizam recursos naturais”, destacou.
O curso de Engenharia Florestal é relativamente recente no Brasil, considerando que a primeira instituição responsável por formar profissionais da área foi criada em 1960, pelo então presidente da República, Juscelino Kubitschek. Atualmente, de acordo com o Ministério da Educação, o curso de Engenharia Florestal é oferecido por 74 instituições de ensino superior (IES) em todo o país.
Assessoria/Caminho Político
@caminhopolitico @cpweb

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ame,cuide e respeite os idosos