Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso

Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso
Cons. Benjamin Duarte Monteiro, Nº 01, Ed. Marechal Rondon

Prefeitura Municipal de Tangará da Serra

Prefeitura Municipal de Tangará da Serra
Avenida Brasil, 2351 - N, Jardim Europa, 78.300-901 (65) 3311-4800

Deputado Estadual Drº. Eugênio de Paiva (PSB-40)

Deputado Estadual Drº. Eugênio de Paiva (PSB-40)
Agora como deputado estadual, Eugênio tem sido a voz do Araguaia, representa o #VALEDOARAGUAIA! 100% ARAGUAIA!🏆

Governo de Mato Grosso

Governo de Mato Grosso
Palácio Paiaguás - Rua Des. Carlos Avalone, s/n - Centro Político Administrativo

Prefeitura de Rondonópolis

Prefeitura de Rondonópolis
Endereço: Avenida Duque de Caxias, 1000, Vila Aurora, 78740-022 Telefone: (66) 3411 - 3500 WhatsApp (Ouvidoria): (66) 9 8438 - 0857

domingo, 21 de agosto de 2022

EXPLODIU A MALETA PRETA: MPE aciona presidente da AL, secretário e ex-deputado após denúncia de uso irregular de emendas

O Ministério Público de Mato Grosso (MPE) encaminhou um pedido de informações ao presidente da Assembleia Legislativa, deputado Eduardo Botelho (União), ao secretário de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel), Jefferson Neves e ao ex-deputado Jajah Neves questionando sobre a utilização de emendas da Casa de Leis para custear a realização do reality show ‘Casa Digital MT’ , em Várzea Grande. 
Nos últimos dias, o programa tem dado o que falar por ter sido financiado com verba pública, por meio de uma emenda parlamentar do presidente da Assembleia Legislativa, deputado Eduardo Botelho (União) no valor de R$ 450 mil.
A atração foi organizada por Jajah Neves, apresentador do programa. Nesta segunda-feira (27), a Procuradoria-Geral de Justiça do MP instaurou o procedimento denominado Notícia de Fato e cobrou explicações sobre a utilização de recurso.
O chefe do Legislativo alega ter sido ludibriado pelos organizadores para que destinasse o montante para o evento envolvendo digitais influencers, e solicitou a devolução dos recursos aos cofres públicos. Segundo ele, o que foi apresentado seria um treinamento com mais de mil influencers para divulgarem o potencial turístico do Estado.
Contudo, o MP deve apurar se o dinheiro da Parlamento Estadual foi utilizado de forma irregular. Se comprovando, os envolvidos podem responder por Improbidade Administrativa.
Veja a nota do MP:
“Na sexta-feira (24), deu entrada na Procuradoria-Geral de Justiça de Mato Grosso ofício do presidente da Assembleia Legislativa, deputado Eduardo Botelho, solicitando que seja apurada a destinação de recursos de emenda parlamentar de sua autoria, no valor de R$ 450 mil, à realização de um reality direcionado a influencers e blogueiros, com o objetivo de qualificá-los a divulgar a gastronomia mato-grossense. Ao final do reality, o melhor colocado seria premiado com R$ 25 mil.
Nesta segunda-feira (27), a Procuradoria-Geral de Justiça instaurou o procedimento denominado Notícia de Fato, e está sendo feito um despacho inicial solicitando informações complementares da Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel), da Assembleia Legislativa e do ex-deputado Jajah Neves, realizador do reality.”
Assessoria/Caminho Político
@caminhopolitico @cpweb

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ame,cuide e respeite os idosos