Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso

Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso
Cons. Benjamin Duarte Monteiro, Nº 01, Ed. Marechal Rondon

Prefeitura Municipal de Tangará da Serra

Prefeitura Municipal de Tangará da Serra
Avenida Brasil, 2351 - N, Jardim Europa, 78.300-901 (65) 3311-4800

Deputado Estadual Drº. Eugênio de Paiva (PSB-40)

Deputado Estadual Drº. Eugênio de Paiva (PSB-40)
Agora como deputado estadual, Eugênio tem sido a voz do Araguaia, representa o #VALEDOARAGUAIA! 100% ARAGUAIA!🏆

Governo de Mato Grosso

Governo de Mato Grosso
Palácio Paiaguás - Rua Des. Carlos Avalone, s/n - Centro Político Administrativo

Prefeitura de Rondonópolis

Prefeitura de Rondonópolis
Endereço: Avenida Duque de Caxias, 1000, Vila Aurora, 78740-022 Telefone: (66) 3411 - 3500 WhatsApp (Ouvidoria): (66) 9 8438 - 0857

quinta-feira, 9 de novembro de 2023

Senado aprova PEC e evita perdas para MT; Jayme fala em justiça tributária

Proposta de Emenda Constitucional foi aprovada por 53 a 24 e agora retorna à Câmara dos Deputados antes de ser promulgada. “Espero que essa tão sonhada e acalentada reforma tributária possa trazer algo que beneficie, com certeza, a sociedade brasileira de uma maneira geral, não só o setor produtivo, mas também a classe trabalhadora”. A afirmação foi feita pelo senador Jayme Campos (União-MT) ao defender a Proposta de Emenda Constitucional 45/2019, aprovada nesta quarta-feira, 8. Foram 53 votos a favor e 24 contra.
Uma ação política da bancada de senadores evitou que Mato Grosso sofresse perdas com as novas regras. No relatório final do senador Eduardo Braga (MDB-AM) ficou assegurada emenda para manutenção do Fundo Estadual de Transporte e Habitação (Fethab), que, em 2022, repassou R$ 3,2 bilhões para investimento em infraestrutura do Estado.
“Essa é uma matéria importantíssima para expandir o desenvolvimento do meu estado, que detém grande vocação agrícola e exportadora”
- ele frisou.
Jayme Campos celebrou também a aprovação da PEC por assegurar isenção para os produtos da cesta básica de alimentos - o que pode fazer com que a comida chegue mais barata a mesa do povo brasileiro.
Outro ponto destacado pelo senador mato-grossense na defesa da PEC diz respeito a redução tributária para medicamentos, serviços de educação, produtos agropecuários, serviços de transportes públicos e produções culturais. “Nada mais justo do que preservar a renda de quem mais precisa” - acrescentou.
A PEC retirou ainda o setor de energia elétrica e de telecomunicações da incidência do imposto seletivo. Esses dois itens, segundo Jayme Campos, são essenciais para a rotina das famílias brasileiras e que não mereciam ser penalizados pelos abusos tributários.
Em seu discurso, Jayme Campos foi ainda taxativo ao reafirmar ser contrário ao aumento de impostos sobre a sociedade brasileira. Por isso, defendeu a proposta de trava sobre a carga tributária “de forma à não permitir o aumento do imposto para os nossos contribuintes”.
Assessoria/Caminho Politico
@caminhopoliticomt @cpweb
Curta nosso instagram: @caminhopoliticomt

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ame,cuide e respeite os idosos