Prefeitura Municipal de Tangará da Serra

Prefeitura Municipal de Tangará da Serra
Avenida Brasil, 2351 - N, Jardim Europa, 78.300-901 (65) 3311-4800

O MATOGROSSO

O MATOGROSSO
Fatos, Realidade e Interativo com o Público

Deputado Estadual Drº. Eugênio de Paiva (PSB-40)

Deputado Estadual Drº. Eugênio de Paiva (PSB-40)
Agora como deputado estadual, Eugênio tem sido a voz do Araguaia, representa o #VALEDOARAGUAIA! 100% ARAGUAIA!🏆

Governo de Mato Grosso

Governo de Mato Grosso
Palácio Paiaguás - Rua Des. Carlos Avalone, s/n - Centro Político Administrativo

Prefeitura de Rondonópolis

Prefeitura de Rondonópolis
Endereço: Avenida Duque de Caxias, 1000, Vila Aurora, 78740-022 Telefone: (66) 3411 - 3500 WhatsApp (Ouvidoria): (66) 9 8438 - 0857

sexta-feira, 15 de março de 2024

“Enquanto houver uma mulher vulnerável e sofrendo violência, essa tem que ser uma pauta de todos”, diz Janaina

Em participação na audiência pública da Comissão de Direitos Humanos do Senado Federal, proposta pela senadora Margareth Buzetti, ocorrida na tarde desta sexta-feira (15.03), no município de Lucas do Rio Verde, com a temática do combate à violência contra a mulher, a deputada estadual Janaina Riva (MDB), defendeu o incentivo ao empreendedorismo e ao fomento à independência financeira de mulheres para o rompimento dos ciclos de violência doméstica.
“Temos que motivar as mulheres a ter uma autoestima elevada, dar a elas independência financeira, fazer com que elas estudem, que se qualifiquem para que elas tenham a sua independência financeira. Esse é um trabalho que nós temos que fazer com as jovens, para que elas saibam, que elas precisam ter o seu dinheiro no bolso, para elas terem liberdade de verdade. A maior proteção para uma mulher não é você dar a ela um porte de arma e uma arma para ela enfrentar a violência doméstica, isso é discurso ideológico. Maior arma para a mulher é ela ter dinheiro no bolso, para ela poder escolher o que ela quer da vida dela”, defendeu a deputada.
Para Janaina, enquanto houver uma mulher em vulnerabilidade, a pauta do empoderamento feminino e de defesa da mulher, precisa ser de todos. “Enquanto nós tivermos mulheres em vulnerabilidade e sofrimento, enfrentando qualquer forma de violência, nós temos que continuar falando sobre o assunto. Temos que continuar trabalhando essa temática nas escolas, trabalhando com a conscientização da população, tentando resgatar famílias, lutando e enfrentando as facções, as drogas que tomam conta das periferias e dos grandes centros. Defender a mulher é um dever de todos nós porque mais da metade da população desse estado e desse país é mulher e a outra metade nasceu de nós. É muito importante que isso seja lembrado na hora de trazer os homens para o debate e para defesa dessa pauta”, disse.
Janaina ainda fez questão de enaltecer o trabalho que a senadora Margareth Buzetti vem fazendo em defesa da mulher e diz que se entristece, todas as vezes em que uma mulher é eleita e diz não defender a pauta da feminina.
“Quero enaltecer aqui hoje o trabalho da senadora Margareth Buzetti. O quanto é importante termos mulheres com representatividade que tratem de pautas femininas. Pautas que nos atingem diretamente como a violência física, violência psicológica, violência moral, chegando até mesmo aos casos mais severos de feminicídio. A senadora Margareth tem feito dessa pauta uma bandeira de luta no Senado e tem trabalhado arduamente para se criar regras mais rígidas e penas mais duras para feminicidas e agressores de mulheres. Me entristece muito quando nós elegemos uma mulher e ela vira as costas para as nossas pautas. As pautas de valores familiares, as pautas de proteção à família, as pautas de proteção à mulher”, finalizou.
Assessoria/Caminho Político
@caminhopolitico @cpweb
Curta nosso Instagram: @caminhopoliticomt
Curta nosso facebook: /cp.web.96

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ame,cuide e respeite os idosos