CASA DOMINGOS

CASA DOMINGOS
Grandes marcas, com produtos de qualidade Av. Feb 861 Bairro: Manga Cep: 78.110-798 - Varzea Grande

Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso

Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso
Av. André Maggi, 6 - Centro Político Administrativo, Cuiabá - MT, 78049-901 Telefone: (65) 3313-6900

Programa da Gente

Programa da Gente
De segunda a sexta-feira das 10:00 ás 11:00 horas

TCE MT GESTÃO NOTA 10

quarta-feira, 6 de setembro de 2017

"Conselho Regional de Odontologia de Mato Grosso participa da reunião convocada pela OAB-MT contra corrupção"

Prezar pelo desempenho ético dentro da profissão está entre os principais papeis do Conselho Regional de Odontologia de Mato Grosso (CRO-MT). Sendo uma entidade que, por sua finalidade, luta contra as más práticas de pessoas que não são bem intencionadas, o CRO-MT fez questão de participar da reunião convocada e realizada pela Ordem dos Advogados do Brasil - Seccional Mato Grosso, nesta terça-feira, 05, que teve como tema o combate à corrupção. O encontro, que contou com a presença de membros de mais de 40 instituições dos mais variados segmentos da sociedade, teve como representante do Conselho Regional de Odontologia de Mato Grosso o secretário José de Figueiredo. O presidente da OAB-MT, Leonardo Campos abriu sua fala explicando que decidiu realizar esta reunião com o intuito de retomar o diálogo com a sociedade por meio dos conselhos de classe, neste momento tão conturbado em que o país está passando. Os escândalos que os brasileiros, sobretudo os mato-grossenses têm presenciado, através das informações veiculadas pela mídia, foram as maiores motivações para este encontro. "Diante do deboche que foram as explicações que os envolvidos nos escândalos deram, vi a necessidade de nos juntarmos e nos posicionarmos de uma maneira conjunta. Não estamos aqui para ser situação ou oposição, estamos aqui para representar e defender os interesses da sociedade civil organizada", disse. Um ponto destacado pelo presidente da OAB é o fato de que é preciso desvincular o nome do Pantanal dos escândalos. "O Pantanal é um lugar lindo, um patrimônio da humanidade e não deve ser vinculado a essa sujeira toda", comentou. Campos sugeriu que as entidades, em conjunto, elaborem propostas levando em conta 4 pilares: Reforma política estrutural, Gestão preventiva e eficaz dos órgãos de controle e fiscalização, Explicações claras e Adoção de medidas imediatas. Ele também propôs que fizessem um manifesto contra a corrupção para lançá-lo em um ato público. Ele deixou claro que não tem nada pronto, e que a OAB quer construir este trabalho junto com todos os segmentos. Foi decidido que o ato público será realizado no dia 26 de setembro. Para o secretário do CRO-MT, José de Figueiredo, esta reunião foi de grande importância para mostrar que a comunidade está revoltada com todos os atos ilícitos que têm sido noticiados nos meios de comunicação. “O CRO-MT parabeniza a iniciativa da OAB, pois é essencial que façamos um movimento em prol da moralidade e da ética. A sociedade está aguardando uma resposta firme diante da corrupção e da situação da política de Mato Grosso. O CRO-MT vai conclamar a sua categoria dos profissionais de Odontologia para participar maciçamente do ato cívico previsto para o dia 26”, afirmou.

ZF Press – Assessoria de imprensa do CRO-MT

Nenhum comentário:

Postar um comentário