A MAIOR FEIRA DE MATO GROSSO PARA SUPERMERCADOS, PADARIAS E HOTÉIS.

A MAIOR FEIRA DE MATO GROSSO PARA SUPERMERCADOS, PADARIAS E HOTÉIS.
Av. Historiador Rubens de Mendonça, 2.368 - Sala 104 Bosque da Saúde - Cuiabá-MT - 78050-000 comercial@expovarejo.com.br | Fone: (65) 3057-5200

Iguá Saneamento

Iguá Saneamento
Av. Gonçalo Antunes de Barros, 3196 - Carumbé - CEP 78050-667 - Cuiabá-MT • Telefones: 0800 646 6115

Vivência com o povo Xavante, 6 a 12 de Julho de 2018

Vivência com o povo Xavante, 6 a 12 de Julho de 2018
Av. André Maggi nº 6, Centro Político Administrativo Cep: 78.049-901- Cuiabá MT.

Greenpeace no Brasil

ABERT - Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão

ABERT -  Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão
SAF/SUL Qd 02 Bl D Sl 101 Ed.Via Esplanada (Atrás do Anexo do Ministério da Saúde) | Brasília - DF

sexta-feira, 13 de julho de 2018

"ABUSO: Ucrânia amplia tempo de detenção de jornalista russo"

O jornalista Kirill Vyshinsky, chefe do portal de notícias RIA Novosti Ucrânia, permanecerá preso no país por mais tempo. O tribunal da cidade de Kherson ampliou o tempo de detenção até o dia 13 de setembro. A decisão foi anunciada pelo procurador ucraniano Igor Ponochovny. A informação é da agência russa Sputnik. Ao saber sobre a decisão, a representante oficial do ministério das Relações Exteriores da Rússia, Maria Zakharova, disse esperar uma reação mais dura por parte das organizações internacionais. "Mais uma vez exigimos a imediata libertação do jornalista. Esperamos uma reação mais dura por parte das organizações internacionais do ramo para o contínuo desmando em relação ao Vyshinsky".
Vyshinsky foi detido em Kiev, em 15 de maio, acusado de apoiar as autoproclamadas República Popular de Donetsk (RPD) e República Popular de Lugansk (RPL). O jornalista pode ser condenado a 15 anos de prisão. Dois dias após a detenção, o tribunal ucraniano de Kherson decretou a prisão preventiva do jornalista por 60 dias, que acabou sendo ampliada agora.
Imprensa/Caminho Político
Vladimir Trefilov/Sputnik

Nenhum comentário:

Postar um comentário