Águas Cuiabá - Iguá Saneamento

Águas Cuiabá - Iguá Saneamento
Av. Gonçalo Antunes de Barros, 3196 - Carumbé - CEP 78050-667 - Cuiabá-MT • Telefones: 0800 646 6115

ANUNCIE AQUI!

ANUNCIE AQUI!
SUA EMPRESA COM MAIS VISIBILIDADE E VENDA

Certificado de Responsabilidade Social

Prefeitura de Cuiabá

Prefeitura de Cuiabá
Praça Alencastro, nº 158 - Centro - CEP: 78005-906

ABERT - Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão

ABERT -  Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão
SAF/SUL Qd 02 Bl D Sl 101 Ed.Via Esplanada (Atrás do Anexo do Ministério da Saúde) | Brasília - DF

terça-feira, 11 de setembro de 2018

"SEGUNDO MANDATO: Após dobrar orçamento da Politec, Taques promete ampliar investimentos"

Antes submetidos à falta de reagentes e até mesmo de luvas para realização de suas funções, servidores da Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) tiveram atendidas pelo Governo Pedro Taques (PSDB) suas reivindicações pelo aumento do orçamento para custeio da instituição. O reconhecimento foi feito nesta segunda-feira (10.09) em reunião entre o governador, que é candidato à reeleição, e representantes da Politec, onde também foram discutidas mais melhorias a serem implementadas no segundo mandato do tucano e cuja viabilização foi prontamente assegurada por ele.
Considerada um dos pilares da Segurança Pública ao atuar no sentido de dar celeridade às investigações da Polícia Judiciária Civil, em quase quatro anos da gestão de Taques, a Politec registrou aumento de 56,36% nos recursos destinados pelo Governo. Em 2014, foram repassados R$ 5,5 milhões, enquanto em 2017 os recursos somaram R$ 8,6 milhões.
Segundo Antônio Magalhães, presidente do Sindicato dos Peritos Oficiais Criminais de Mato Grosso (SINDPECO), o diálogo aberto com o governador foi e continuará sendo importante no processo de garantir avanços para a categoria. Ele destacou a necessidade de mais efetivo e a demanda foi recebida com solidariedade pelo governador que afirmou ter ciência da urgência em ter mais peritos, técnicos em necrópsia e papiloscopistas, não só em Cuiabá, mas também no interior.
Para Pedro Taques, poder melhorar as condições de trabalho dos servidores da Politec é motivo de orgulho. Na reunião, no entanto, ele pontuou a necessidade de que mais investimentos sejam feitos, mas que a concretização de todos os avanços foi prejudicada em razão da crise econômica que assolou o país e da situação crítica em que se encontrava o cofre do Estado.
“Eu fui mecânico de um carro em movimento. Fizemos muito, mas ainda há muito a ser feito. Governar com dinheiro é fácil, mas governar sem recursos não é tarefa fácil, não é para qualquer um. Só eu sei o quanto trabalhei para fazer com que chegássemos onde estamos hoje, com a casa arrumada e prontos para seguir em frente e poder concretizar novos investimentos, como os que os senhores precisam”, afirmou Taques.
O aumento nos valores para custeio da Politec surtiu efeitos positivos não só nas condições de trabalho dos servidores, mas também no resultado verificado pela sociedade. De acordo com dados do Governo, em 2014 foram produzidos 63.716 mil laudos periciais, já em 2017 o número foi de 77.017 mil. A Polícia Civil, por sua vez, registrou 22% a mais de inquéritos por conta da celeridade no trabalho das perícias.
No último ano da administração anterior também foram computados 100.870 processos de identificação criminal, enquanto em 2017 o total contabilizado foi de 120.427.

Nenhum comentário:

Postar um comentário