Águas Cuiabá - Iguá Saneamento

Águas Cuiabá - Iguá Saneamento
Av. Gonçalo Antunes de Barros, 3196 - Carumbé - CEP 78050-667 - Cuiabá-MT • Telefones: 0800 646 6115

ANUNCIE AQUI!

ANUNCIE AQUI!
SUA EMPRESA COM MAIS VISIBILIDADE E VENDA

Certificado de Responsabilidade Social

Prefeitura de Cuiabá

Prefeitura de Cuiabá
Praça Alencastro, nº 158 - Centro - CEP: 78005-906

ABERT - Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão

ABERT -  Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão
SAF/SUL Qd 02 Bl D Sl 101 Ed.Via Esplanada (Atrás do Anexo do Ministério da Saúde) | Brasília - DF

quinta-feira, 8 de novembro de 2018

"HIPNÓLOGO VANDIR FILHO FAZ PALESTRA SOBRE TEMA PARA ESCLARECER QUE A TERAPIA AJUDA A MELHORAR A VIDA DAS PESSOAS"

epnose camaraA Câmara Municipal de Várzea Grande, onde está a sede da Casa Cidadã ocorreu no final do mês de Outubro Rosa em todo país – uma campanha de conscientização para as mulheres realizar o autoexame para prevenção do câncer de mama. A gerente Glória Bezerra, preparou para os funcionários um tema bastante interessante para desmistificar o que é a hipnose, por Vandir Filho, que tem formação Máster em Hipnose Clínica, Hipnose Clássica, Neurohipnose e PNL (Programação Neurolinguística) e Graduando em Direito e Pós Graduando em Direito.
O profissional demonstrou técnica e clareza na abordagem dos conhecimento em sua habilidade “terapia por hipnose”; foi o ponto mais abordado, muitas das pessoas que tiveram a oportunidade de estarem neste palestra conseguiu assimilar o procedimento e preencher uma lacuna de informações novas, porém, trata o ser humano de sair de um estado ruim para ser uma pessoa muito melhor, aliás de uma forma rápida, dependendo de cada indivíduo e a causa de seu problema. Como disse o terapeuta e hipnólogo Vandir Filho.
Ele inicia dizendo que todos nós vivemos a hipnose o tempo todo, são fenômenos extremamente naturais em que a gente vive, e só não sabe; logo dizem que é rotina, mais é a hipnose; quem assiste um filme, faz meditação se concentra, e transforma a vida de forma automática. Ele cita um exemplo: quando uma pessoa tem um hábito de ir ao trabalho e retorna pra casa, em seu cotidiano, e quando alguém pede para que ela passe no mercado para comprar alguns produtos e passar na padaria, e logo percebe que esqueceu de ir ao mercado, e só lembra quando chega no portão de casa, é quando já está mais relaxado desconcentrado das atividades diárias. “Como a pessoa está concentrada naquilo que se faz as outras coisas não importam, isso pode ser uma forma secundária, a hipnose usa exatamente isso, a sua concentração máxima e toda vez que você usa muito a concentração esquece o que está em volta isso é um processo hipnótico”, frisa Filho.
A hipnose no Brasil não tem regulamentação, como qualquer outro curso livre, não é atrelada a nenhum curso de formação acadêmica, mesmo assim alguns cursos como medicina, odontologia, psicologia e fisioterapia, tem especialização em hipnose, para esses cursos a hipnose é reconhecido nacionalmente como em todos os concelhos federais como científica e não como um curso que pode agregar, ela trabalha de forma auxiliar a qualquer tratamento, porque ela cuida do bem estar.
O que é a hipnose, hoje se acessar no site do google, consegue muitos referências sobre o tema hipnose, irá notar inúmeros conceitos, "o conceito mais moderno que uso mais é o da linguagem para alterar a percepção de realidade, ela vai transformar e fazer as pessoas ver com mais realidade com mais consciência, como a concentração está num estágio elevado as outras coisas não serão tão relevantes", relata Vandir.
Portanto a hipnose é um procedimento de dentro pra fora, sendo algumas outras terapias é de fora pra dentro, como em sessão com terapeuta, psicólogo, logo ele vai lhe dando caminhos para mostrar por onde seguir, e ajudar no que ele tem conhecimento para que a vida do paciente melhore. Assim se analisa se é dessa forma que deseja fazer, continuadamente com esse processo, até chegar ao ponto que possa levar o indivíduo a percorrer o rumo desejado.
Para o hipnólogo Vandir, diz, aqueles que adentram ao seu consultório para ele não importa o tipo da doença, porque quem vai cuidar da doença é o médico, o que interessa para ele é o que a doença está lhe causando, o paciente tem que sair melhor do que entrou, a pessoa entra como um ser humano e sai como ser humano melhor, relata.
Como funciona a hipnose: ela irá lhe colocar num estado de concentração, atenção plena e foco naquilo que você necessita resolver, por que ninguém vai fazer uma terapia por curiosidade, normalmente a pessoa tem algum problema; e partir dali o paciente mesmo vai solucionar os problemas.
"Na divisão da mente humana temos três pontos, vamos pensar na forma de um círculo um corte bem pequeno em torno de 5% é a nossa razão, um outro de aproximadamente de 2% é faculdade crítica e o resto o subconsciente. O subconsciente é tudo aquilo que nós adquirimos desde o útero até agora, a nossa caixa preta, ali tem todos os nossos recursos, para solucionar todos os problemas, porém a gente não consegue acessá-lo de forma fácil. Com terapia isso ocorre, o terapeuta irá colocar você num estado em que precisa chegar nesse ponto, com o passar do tempo fazendo a terapia, irá conseguir em alguns casos adentrar no seu subconsciente e resgatar aquilo que precisa ser curado", frisa Vandir.
A hipnose é um estado parecido com o sono, a pessoa vai estar bem concentrado e parece estar dormindo, igual a sensação de que acordou mais não abriu os olhos, está ouvindo tudo em volta é igualável a isso. O hipnotizado não fica preso a nada e a lugar algum, como algumas pessoas comentam, se o terapeuta morrer, não ocorre nada depois de mais ou menos uns 10 minutos a pessoa irá acordar, como acabou o diálogo, logo acordará.
Outras questões foram esclarecidas pelo terapeuta Vandir Filho, se alguém falaria alguma coisa que não devesse durante a hipnose ou agora, resposta: não, alguma coisa que não podia fazer, agora ou na hipnose também não, porque é um estado plenamente consciente, então se não faz agora, em hipnose também não irá fazer, ainda que for sugestionado que você faça determinada coisa, todos temos dentro do subconsciente a nossa matriz e nela tem todas os nossos princípios morais, religiosos, dentre outros itens importantes que nos fazem decernir as nossas ideologias.
Em um momento ele pediu se alguém pudesse participar de uma hipnose individual, pois já tinha feito algumas com todos, poucas pessoas foram hipnotizadas, uma de nossa colega se propôs a passar pela hipnose pois estava com dores de cabeça sentou na cadeira, ele fez todo procedimento para conseguir seu relaxamento e envolvendo ela para entrar no processo do “sono” foi em questão de mais o menos de 10 minutos e logo ela voltou do transe, e relatou que ficou super relaxada com as pernas bambas meio sonolenta e logo disse que a foi como estive num sono, mais que ouvia a voz do Vandir bem distante e conseguindo, com tranquilidade relaxar e não sentindo mais a dor de cabeça.
O termo hipnose (grego hipnos = sono + latim oásis = ação ou processos) deve ser o seu nome ao médico e pesquisador britânico James Brid (1795-1860), que o introduziu pois acreditou tratar-se de uma espécie de sono induzido (hipnos era também o nome do deus grego do sono). Quando tal equívoco foi reconhecido, o termo já estava consagrado, e permaneceu nos usos científicos e popular.
Contudo, deve ser ficar claro que hipnose não é uma espécie ou forma de sono. Os dois estados são claramente distintos e a tecnologia moderna pode comprová-la de inúmeras formas, inclusive pelos achados eletroencefalográficos de ambos, que mostram ondas cerebrais de formas, frequências e padrões distintos para cada caso. O estrado hipnótico é também chamado transe hipnótico.
Assessoria

Nenhum comentário:

Postar um comentário