Águas Cuiabá - Iguá Saneamento

Águas Cuiabá - Iguá Saneamento
Av. Gonçalo Antunes de Barros, 3196 - Carumbé - CEP 78050-667 - Cuiabá-MT • Telefones: 0800 646 6115

Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso

Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso
Av. André Maggi, 6 - Centro Político Administrativo, Cuiabá - MT

2ª Corrida do Legislativo Cuiabano

2ª Corrida do Legislativo Cuiabano
PA 2ª Corrida do Legislativo é uma realização da ASSCAMUC (Associação dos Servidores da Câmara Municipal de Cuiabá) e será realizada no dia 21 de abril de 2019.

Conecte na ALMT

Se inscreva no site www.omatogrosso.com e responda a pergunta: QUAL A TV QUE VOCÊ SE VÊ?

Se inscreva no site www.omatogrosso.com e responda a pergunta: QUAL A TV QUE VOCÊ SE VÊ?
O sorteio será dia 05.03.2019 Boa sorte

segunda-feira, 4 de fevereiro de 2019

"19ª LEGISLATURA: Wilson Santos toma posse e foca mandato em educação e industrialização"

Wilson Santos concluiu seu terceiro mandato na Assembleia Legislativa com mais de 600 proposições, sendo 158 projetos de lei. O deputado estadual Wilson Santos (PSDB) tomou posse, nesta sexta-feira (1º), juntamente com outros 23 deputados, pela quarta vez na Assembleia Legislativa de Mato Grosso. Wilson foi reeleito em sete de outubro ao garantir a vitória com 14.855 votos. O parlamentar disse à imprensa, antes da cerimônia de posse, no Teatro Zulmira Canavarros, que vai trabalhar com o foco, principalmente, voltado para educação e industrialização do estado. “Eu sou da educação.
Vou cobrar muito educação e também vou trabalhar bastante a questão da industrialização do estado. Mato Grosso, finalmente, tem todos os elementos necessários para fazer o seu processo de transformação da sua matéria-prima. É a indústria que gera empregos. Nós temos de preparar o estado para o novo ciclo da economia”.
Ele destacou a importância do Parlamento, nesta 19ª Legislatura. “Os debates voltarão a acontecer na Assembleia. Tenho certeza que o Parlamento vai cumprir sua função. Vai cumprir a sua prerrogativa de ser a grande Casa dos debates e trazer para cá grandes temas de Mato Grosso, e debater mais segurança para o Estado, a industrialização, focarmos mais no emprego”.
Mesmo sendo oposição ao novo governo, o deputado argumentou que fará um mandato com responsabilidade.
“Já votamos com o governo em várias matérias. Aquilo que eu entender que é bom para o estado, bom para Mato Grosso, vai ter meu voto, meu apoio. Aquilo que eu entender que não está correto, nós vamos apresentar emendas, projetos, para aprimorar essas matérias”, garantiu.
Wilson Santos concluiu seu terceiro mandato na Assembleia Legislativa com mais de 600 proposições, sendo 158 projetos de lei. Uns dos grandes destaques de Wilson foi a aprovação da PEC que garante todos os anos um aumento de 0,5% do orçamento para educação. A medida será tomada até o percentual atingir os 35%, determinados na Constituição Estadual de Mato Grosso.
Uma outra conquista de Wilson Santos foi a aprovação do Projeto de Lei 37/2016, que assegura aos negros 20% das vagas oferecidas nos concursos públicos para provimento de cargos efetivos e empregos públicos no âmbito da administração pública estadual, das autarquias, das fundações públicas, das empresas públicas e das sociedades de economia mista controladas pelo governo do estado.
Dislexia - O deputado também, em seu terceiro mandato, teve uma outra importante vitória parlamentar ao conseguir emplacar a lei que institui o atendimento especializado nos concursos públicos e vestibulares realizados em Mato Grosso às pessoas com dislexia. Wilson Santos realizou simpósios para debater o assunto no teatro Zulmira Canavarros.
Um dos outros grandes trabalhos realizados pelo deputado foi a discussão em torno da escola ciclada. Wilson Santos realizou várias audiências públicas, em várias cidades do estado, para debater um tema tão importante. Santos defende que o mais importante é a garantia da aprendizagem aos alunos.
Agronegócio - Polêmica, a discussão do agronegócio chegou ao fim com uma conquista muito grande. Desde 2015, assim que retornou à ALMT, Wilson defendeu que para o estado voltar a melhorar a sua situação financeira seria por meio da taxação do agro.
A primeira vitória veio com o Fethab II, criado na gestão de Pedro Taques, mas com prazo de validade até 31 de dezembro de 2018. Com isso, o estado deixaria de receber novos recursos e Wilson voltou à pressão da necessidade de taxar o setor mais capitalizado de Mato Grosso.
Após audiências públicas sobre o assunto, o governador Mauro Mendes encampou uma luta do tucano e encaminhou mensagem ao Poder Legislativo estadual com o propósito de taxar o setor. O novo Fethab foi aprovado na semana passada, por unanimidade, na Assembleia Legislativa.
xecutivo - Wilson Santos, durante o período de novembro de 2016 a abril de 2018, assumiu a titularidade da Secretaria das Cidades.
ABDALLA AZO ZAROUR

Nenhum comentário:

Postar um comentário