SENADO FEDERAL CONTRA A COVID-19

SENADO FEDERAL CONTRA A COVID-19
Acompanhe os números de evolução da doença pelo painel do Ministério da Saúde

A STELMAT visa o fortalecimento dos negócios em governança de TI

A STELMAT visa o fortalecimento dos negócios em governança de TI
Av. Isaac Póvoas, 927, Bairro Goiabeiras

Tribunal de Contas de Mato Grosso - Presidente Dr. Guilherme Maluf

Tribunal de Contas de Mato Grosso - Presidente Dr. Guilherme Maluf
Rua Cons. Benjamin Duarte Monteiro, Nº 01, - Ed. Marechal Rondon - Centro Político Administrativo - Cuiabá-MT

Loja Oficial - Casa Prado

Loja Oficial - Casa Prado
Camisetas, Polos, Calças, Bermudas, Sapatos e Acessórios de Qualidade na Casa Prado!

domingo, 6 de setembro de 2020

“Vimos a crise intensificar a guerra travada contra o jornalismo e a mídia”, explica Rasmus Nielsen do Instituto Reuters"

Em conversa com o mídia.JOR, Rasmus Nielsen, Diretor do Instituto Reuters para o Estudo do Jornalismo, da Universidade de Oxford, fala sobre sua pesquisa recente sobre a confiança na mídia, além dos desafios e oportunidades que enfrentamos na indústria de notícias e no jornalismo. Ele revela nesta entrevista resultados da pesquisa: “também descobrimos em Oxford que
houve aumento no número de pessoas que frequentemente evitam as notícias de forma deliberada porque considerá-las inúteis, que as deixam mal. Há um verdadeiro problema com alcance, que foi acentuado pela crise da Covid”. Sobre o modelo de negócio, Nielsen comenta sobre exemplos reais de sucesso, não apenas os grandes como o New York Times, mas organizações menores na Europa e na América do Norte, que estão mostrando o valor do jornalismo. “O público pode ser convencido a valorizar o jornalismo de maneira tangível, assinando ou sendo membro”, afirma o diretor do Instituto Reuters.
Essa questão também é levantada no mídia.JOR por Juan Señor, presidente da Innovation Media que, em sua apresentação, comenta as últimas tendências editoriais e comerciais do mercado. Segundo ele, “há um reconhecimento global, não só no Brasil, mas em todo o mundo de que, de fato, o jornalismo independente é valioso e deve ser pago”.
O presidente da Innovation Media reforça que “temos que parar de vender anúncios e começar a vender jornalismo”, e que este é o momento para se investir nas redações. Ao citar modelos de negócios, Señor afirma que muitos publishers estão adotando um modelo freemium. “As últimas notícias gratuitas, com a análise profunda, compreensão, jornalismo avançado sendo cobrados... É preciso vender esse jornalismo com confiança”, explica.
Em entrevista exclusiva ao mídia.JOR, o presidente e CEO da New York Times Company Mark Thompson lembra que este é um período em que o investimento é muito importante, e que “você não consegue sair dessa só apertando o cinto, como fazia nas recessões”, citando os riscos envolvidos. “Sem o investimento, se você tentar trabalhar o digital como uma pequena operação paralela, que ninguém leva a sério, há o risco de que nunca cresça adequadamente”, afirma Thompson.
Nielsen, do Instituto Reuters, lembra que “enquanto alguns estão prosperando, achando maneiras de superar a crise - e alguns até sairão mais fortes dela -, haverá um impacto drástico no jornalismo mundialmente”. Ao analisar o cenário pondera que o momento é crítico “vimos a crise intensificar a guerra travada contra o jornalismo e a mídia independente em muitos países”. No entanto, apesar de sombrio, “também é um momento em que o valor do jornalismo brilha”.

No vídeo, o diretor do Instituto Reuters explica que não acredita que a polaridade seja “em si algo ruim”, mas se mostra preocupado com a ingenuidade em relação aos políticos “vejo a preferência da classe política muito clara: Jornalismo e empresas jornalísticas não são prioridades. E a maioria dos políticos encara a mídia, na melhor hipótese, com indiferença benigna. Mais frequentemente, com hipocrisia, te dão a fala, mas não gostam muito de você e não farão nada para ajudar. E, no pior caso, com hostilidade escancarada.”
Veja abaixo trechos dos vídeos de Rasmus Nielsen, do Instituto Reuters para o Estudo do Jornalismo e de Mark Thompson, da New York Times Company, que você pode conferir na íntegra e on demand pelo nosso canal digital. Na próxima semana, no mídia.JOR, traremos uma conversa com Philip Smith, especialista de startups nos EUA e Fabiana Zanni, diretora de parcerias LATAM no Google sobre como desenvolver novos negócios de jornalismo e empreendedorismo no setor.

Sobre o mídia.JOR
“O dono do conteúdo na era do jornalismo compartilhado” é o tema do Mídia.JOR 2020. Com a curadoria de Lúcio Mesquita, especialistas e jornalistas compartilham experiências e falam sobre tendências no Brasil e no mundo. Conheça aqui o time de colaboradores.
Num formato inédito, o encontro inteligente do jornalismo tem edição digital e conteúdo 100% on demand para acessar, assistir e ler onde e quando preferir. Para conferir os conteúdos, acesse www.portalimprensa.com.br/midiajor.
Assessoria/Caminho Político
Foto:mídia.JOR
Caminho Politico

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ame,cuide e respeite os idosos