PREFEITURA DE VÁRZEA GRANDE

PREFEITURA DE VÁRZEA GRANDE
Prefeitura publica novo decreto e mantém fiscalização rígida contra pandemia Várzea Grande vacina Guarda Municipal e forças de segurança e vai abrir cadastro para idosos acima de 60 anos Várzea Grande e Assembleia Legislativa vão abrir novos pontos de vacinação Várzea Grande abre inscrição para 60 anos depois de vacinar 6,5 mil pessoas nos últimos dias

HOSPITAL H•BENTO

HOSPITAL H•BENTO
Av. Dom Aquino, 355 • Centro, 78015-200 • Cuiabá - MT

DE OLHO NOS RURALISTAS!

DE OLHO NOS RURALISTAS!
Observatório de agronegócio e políticas ruralistas no Brasil. As notícias com perspectiva social e ambiental.

CRECI-MT

domingo, 13 de dezembro de 2020

Operação “Boas Festas” inicia nesta segunda-feira (14) na região central

A iniciativa tem como objetivo evitar a obstrução das calçadas com a exposição de mercadorias, mostruários e cartazes.
Entre os dias 14 e 31 de dezembro, mais uma edição da Operação “Boas Festas” será realizada pela Secretaria de Ordem Pública, em toda região central de Cuiabá. A ação é feita de forma integrada com a Secretaria de Agricultura, Trabalho e Desenvolvimento Econômico e a Polícia Militar, tendo como principal objetivo garantir ao cidadão os direitos constitucionais, a normalidade e a tranquilidade da ordem pública.
Nesse período de festividades, entre o Natal e Ano Novo, há um crescimento expressivo no número de pessoas no centro comercial. Diante desse cenário, a operação cumpre com as determinações da Lei Complementar Municipal nº 004/1992, que proíbe a exposição de mercadorias, mostruários e cartazes nas calçadas, sob pena de apreensão dos bens e pagamento dos custos de remoção.
O secretário de Ordem Pública, Leovaldo Sales, reforça que a intenção da Prefeitura não é prejudicar o trabalho ou causar prejuízos aos comerciantes, principalmente em um ano em que o setor foi extremamente penalizado pela pandemia da Covid-19. “A operação terá caráter estritamente preventivo, mas havendo a necessidade de algum tipo de apreensão, essas mercadorias serão conduzidas imediatamente a Delegacia do Meio Ambiente”, explica Sales.
“A retirada de materiais e mercadorias sobre o passeio público e o combate a poluição sonora, é uma necessidade inadiável, uma vez que tal situação prejudica a circulação de pedestres que precisam dividir os espaços públicos com os veículos, o que gera total insegurança para as pessoas. Por isso, a Secretaria, em conjunto com os parceiros, realiza essa operação todos os anos, com a presença maciça dos fiscais e policiais militares, de forma a evitar esses transtornos”, concluiu.
Assessoria/Caminho Político
@CaminhoPolitico

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ame,cuide e respeite os idosos