TODOS JUNTOS CONTRA A COVID-19

TODOS JUNTOS CONTRA A COVID-19
Acompanhe os números de evolução da doença pelo painel do Ministério da Saúde

Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso

Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso
Av. André Maggi nº 6, Centro Político Administrativo

DE OLHO NOS RURALISTAS!

DE OLHO NOS RURALISTAS!
Observatório de agronegócio e políticas ruralistas no Brasil. As notícias com perspectiva social e ambiental.

TRANSPARÊNCIA CORONAVÍRUS

TRANSPARÊNCIA CORONAVÍRUS
Praça Alencastro, nº 158 - Centro

segunda-feira, 8 de fevereiro de 2021

ARCERIA COM CBF BENEFICIARÁ ESPORTE E FORTALECERÁ PROGRAMAS SOCIAIS EM MATO GROSSO

Senador Wellington Fagundes esteve Confederação para agilizar reinauguração do Dutrinha, buscar projetos sociais e celebrar a subida do Cuiabá E.C à Série A.
A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) demonstrou grande interesse em desenvolver trabalhos sociais em Mato Grosso, ao mesmo tempo em que fortalece o esporte local. Após a subida do Cuiabá Esporte Clube à Série A do Brasileirão, a CBF convidou o senador Wellington Fagundes (PL-MT) para uma reunião nesta segunda-feira, 8, junto ao secretário-geral da instituição, Walter Feldman.
Segundo o secretário, a CBF está à disposição para, junto à Federação Mato-Grossense de Futebol, definir projetos com viés social e agilizar a reinauguração do estádio Eurico Gaspar Dutra, o “Dutrinha”, pela prefeitura de Cuiabá.
“O senador Wellington Fagundes já é um antigo parceiro da CBF nas lutas pelo futebol brasileiro, tendo contribuído conosco no desenvolvimento de projetos e pareceres junto ao Senado Federal, com quem mantivemos um ótimo contato nos últimos 6 anos. Agora, pretendemos deslanchar com essa relação”, declarou Feldman.
Acompanhado do senador Carlos Portinho (PL-RJ), Wellington reiterou apoio ao projeto que dá origem à Lei Clube-Empresa (PL 5516/19), permitindo que os clubes brasileiros optem por deixarem de ser associação para se tornarem empresa, com vantagens tributárias e renegociação de dívidas. O projeto será relatado no Senado por Portinho, que é advogado e já foi vice-presidente jurídico do Flamengo, além de ter defendido processos do Fluminense e do União Esporte Clube nos tribunais desportivos.
Para Wellington, o apoio da CBF à Federação Mato-Grossense de Futebol é fundamental para ampliar o uso social das arenas, desenvolver propostas que visam acolher crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade e fomentar o lazer e o turismo não só na capital, mas em todas as regiões do Estado.
“Sabemos que o futebol muda vidas, gera empregos e desenvolve comunidades. Não somente aquelas onde estão os nossos craques famosos, mas principalmente na base, favorecendo a cidadania e permitindo uma ocupação de qualidade à nossa juventude”, afirmou Fagundes.
Há duas semanas, o Cuiabá Esporte Clube colocou Mato Grosso na série A do Campeonato Brasileiro após um jejum de 35 anos. Antes dele, o último time do Estado a disputar a primeira divisão foi o Operário de Várzea Grande, em 1986. A subida do “Dourado”, segundo o senador Wellington Fagundes, é motivo de orgulho e “fomenta os sonhos da moçada”, afastando a juventude de todo o tipo de violência.
Da Assessoria/Caminho Político
!@CaminhoPolitico

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ame,cuide e respeite os idosos