Instec Instituto de Tecnologia Educação e Comunicação

Instec Instituto de Tecnologia Educação e Comunicação
Av. Rui Barbosa, S/N- Jardim Universitrio, Cuiabá - Mato Grosso. As informações de contato se encontram no (65) 99293-3962

Vereador Didimo Rodrigues Vovó

Vereador Didimo Rodrigues Vovó
Trabalhar por uma Cuiabá melhor

DE OLHO NOS RURALISTAS!

DE OLHO NOS RURALISTAS!
Observatório de agronegócio e políticas ruralistas no Brasil. As notícias com perspectiva social e ambiental.

Senado Federal

Senado Federal
Para saber mais sobre essa unificação, clique aqui.

sexta-feira, 19 de fevereiro de 2021

Projeto dá oportunidade de indígenas venderem biojóias pela internet

Até o final de março grupo irá lançar site de e-commerce.
O grupo de artesãos indígenas Bôloriê Umutina, do povo Umutina-Balatiponé de Barra do Bugres, Mato Grosso, terão a oportunidade de vender suas criações em seu próprio site, que já está sendo desenvolvido e será lançado até o final de março. De acordo com Isaac Amajunepá, jovem liderança do povo Umutina, o site está sendo desenvolvido com o apoio da Secretaria de Estado de Cultura de Mato Grosso (Secel) por meio da Lei Aldir Blanc. Em 2020, o jovem teve o projeto aprovado no edital MT Criativo da Secel. “O projeto foi feito e pensado para garantir a sustentabilidade da minha comunidade. Antes, as peças de nossos artesãos eram vendidas por atravessadores, que na maioria das vezes ficavam com a maior parte de venda das peças, mas com o site o nosso objetivo é estabelecer uma relação direta entre os artesãos e os clientes, que agora irão receber integralmente pelas suas obras”, afirmou.
Ainda de acordo com Isaac, além do site, o projeto também possibilitou o fortalecimento reorganização e ampliação do grupo, que voltou com tudo e já está ativo novamente nas redes sociais, que foram reativadas.
“O site ainda não está pronto, mas as pessoas interessadas em conhecer o nosso trabalho podem acompanhar por meio das nossas redes sociais, onde mostramos as nossas peças, mas também falamos sobre a cultura do nosso povo e apresentamos os nossos artesãos”, afirmou.
Segundo o jovem, os artesãos se especializaram na criação de biojóias, mas também produzem uma variedade de peças como: cestos, escultura em madeira, bolsas, abanadores e arco e flecha, que já podem ser adquiridas.
Para conhecer mais o projeto dos artesãos e comprar as peças é só entrar em contato através do e-mail atendimentobolorie@gmail.com ou acessar a página no Facebook “Criações Bôloriê Umutina” ou o perfil no instagram @criaçõesbôloriêumutina. Contato: Isaac Amajunepá -
Telefone: (65) 99907-3641
Assessoria/Caminho Político
@CaminhoPolitico

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ame,cuide e respeite os idosos