PREFEITURA DE VÁRZEA GRANDE

PREFEITURA DE VÁRZEA GRANDE
Prefeitura publica novo decreto e mantém fiscalização rígida contra pandemia Várzea Grande vacina Guarda Municipal e forças de segurança e vai abrir cadastro para idosos acima de 60 anos Várzea Grande e Assembleia Legislativa vão abrir novos pontos de vacinação Várzea Grande abre inscrição para 60 anos depois de vacinar 6,5 mil pessoas nos últimos dias

HOSPITAL H•BENTO

HOSPITAL H•BENTO
Av. Dom Aquino, 355 • Centro, 78015-200 • Cuiabá - MT

VI SIMPÓSIO SOBRE DISLEXIA DE MATO GROSSO – 2021 - MINICURSOS

VI SIMPÓSIO SOBRE DISLEXIA DE MATO GROSSO – 2021 - MINICURSOS
PLATAFORMA EAD DA ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO ESTADO DE MATO GROSSO Cuiabá - MT.

DE OLHO NOS RURALISTAS!

DE OLHO NOS RURALISTAS!
Observatório de agronegócio e políticas ruralistas no Brasil. As notícias com perspectiva social e ambiental.

segunda-feira, 4 de outubro de 2021

Exame rápido para detectar infarto pode ser realizado na rede pública de saúde de MT

Aprovado pela ALMT, proposta torna obrigatória o exame em pacientes que chegarem ao pronto atendimento. A realização do procedimento de exame rápido de troponina cardíaca em pacientes da rede pública de saúde de Mato Grosso pode dar agilidade ao diagnóstico de infarto do miocárdio e, consequentemente, salvar a vida de muitos pacientes. O procedimento é garantido pelo Projeto de Lei 1298/2019, de autoria do deputado estadual Valdir Barranco (PT), aprovado na manhã desta quarta-feira (29) durante sessão realizada na Assembleia Legislativa de Mato Grosso. A proposta segue agora para sanção ou veto do governador Mauro Mendes.
As doenças cardiovasculares são responsáveis pelo morte de mais de 300 mil pessoas por ano no Brasil, sendo que apenas o infarto do miocárdio é a causa de 100 mil brasileiros e brasileiras morrerem no país. A troponina é uma enzima encontrada no sangue e a medição de seus níveis é considerada o mais sensível marcador de lesão do músculo cardíaco. “Esse exame serve para diagnosticar, da maneira mais eficaz e simples, o infarto do miocárdio, que nem sempre o médico consegue identificar no exame clínico ou no eletrocardiograma. É um exame de baixíssimo custo que eu não tenho dúvidas que vai salvar muitas vidas”, disse o parlamentar.
O projeto possui como objetivo a otimização do diagnóstico para infarto agudo do miocárdio (IAM) nas unidades de pronto atendimento da rede pública de saúde, visando evitar que o paciente seja dispensado sem receber a devida assistência, tendo em vista que os indícios da doença nem sempre se demonstram com clareza. Deste modo, a unidade de pronto atendimento, ao possuir um exame mais eficaz na constatação, poderá iniciar o tratamento necessário com maior agilidade.
Além disso, o exame se torna um aliado extremamente eficaz e fundamental no diagnóstico do IAM, devido a sua especificidade na constatação, bem como a velocidade pelo que demonstra seus resultados, evitando assim, que o paciente seja dispensado do centro de emergência sem que se tenha clareza se o evento de infarto ocorreu ou não. “A praticidade, a velocidade, a eficácia e principalmente o custo do exame são instrumentos hábeis que fazem com que a adoção do instrumento como forma de prevenção a óbitos provenientes de doenças cardíacas como o IAM, se torne fundamental na rede de saúde de Mato Grosso”, finalizou o deputado.
Assessoria/Caminho Político 
@caminhopolitico @cpweb

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ame,cuide e respeite os idosos