Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso

Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso
Av. André Maggi nº 6, Centro Político Administrativo Cep: 78.049-901- Cuiabá MT.

Baronês Cuiabá

Baronês Cuiabá
O cardápio mais nobre de Cuiabá.

Prefeitura de Cuiabá

Prefeitura de Cuiabá
Praça Alencastro, Cuiabá, 78005-906

Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso

Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso
Cons. Benjamin Duarte Monteiro, Nº 01, Ed. Marechal Rondon

quinta-feira, 10 de fevereiro de 2022

DIREITO: Advogada se despede de gestão da ABA-MT e destaca legado de ativismo contra o abuso emocional

Gestão também foi marcada por ações para a promoção e qualificação da jovem advocacia. A advogada Ana Lúcia Ricarte encerrou nesta quinta-feira (10) o mandato como presidente da Associação Brasileira dos Advogados de Mato Grosso (ABA-MT). A gestão à frente da associação foi marcada pela ampliação do debate em torno de temas atuais do Direito, como o abuso emocional praticado pelos “narcisistas perversos” – que são os agressores que protagonizam histórias de violência com graves consequências psicológicas no âmbito familiar -, além de uma série de ações que ajudaram a jovem advocacia a se estabelecer no mercado.
"Estou muito grata pela experiência à frente da ABA-MT nestes dois anos de gestão. Tivemos a oportunidade de promover um debate necessário sobre diversos temas fundamentais, principalmente, o abuso emocional contra a mulher. Quero agradecer aos associados que somaram neste período e que puderam compartilhar sua experiência, conhecimento e expertise", avalia a advogada que atua há 28 anos com direito de família.
Ana assumiu a presidência da ABA-MT em fevereiro de 2020 e sua gestão criou 20 comissões, fomentando a participação de mais de 200 advogados, integrando a advocacia do interior de Mato Grosso e promovendo a jovem advocacia.
Entre as ações de destaque estão os projetos “Abuso Emocional nunca mais” e a “Quinta com Elas”, que aborda os riscos da internet para as crianças. Também foram realizadas mais de 100 lives e oito webinars, entre congressos, seminários, cursos e palestras mensais.
Ana destaca também parcerias realizadas com o Poder Legislativo e com as ABAs de outros Estados, principalmente, em relação às campanhas sobre violência contra a mulher.
“Nossa preocupação em gerar conteúdo de qualidade para qualificar o debate público sobre temas de interesse de toda a sociedade e dar suporte à advocacia levaram à publicação de dois e-Books, um sobre o abuso emocional e outro sobre a Lei Geral de Proteção aos Dados (LGPD). Em parceria com a Comissão de Gestão Jurídica e Liderança na Advocacia, presidida pela advogada Dynair Souza, promovemos 10 cursos em todo o Brasil sobre gestão de escritório”, destaca.
Em reconhecimento ao trabalho desenvolvido na ABA-MT, Ana Lúcia Ricarte foi condecorada pela ABA nacional como a melhor diretora estadual no ano de 2020. “Todo o trabalho desenvolvido e o reconhecimento por isso é uma motivação a mais quando se tem uma carreira na advocacia de quase três décadas. Encerro esse meu período de contribuição com a associação com a sensação de dever cumprido e inspirada na condução de novos projetos que também vão diferenciais no Estado e no país”, pontua a advogada.
Ana Lúcia Ricarte informa que preferiu não renovar sua presidência na ABA-MT porque está na organização de um novo projeto que vai reunir os principais escritórios de advocacia de Mato Grosso e do país, e que será divulgado em breve.
Assessoria/Caminho Político
Caminho Politico CP Web

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ame,cuide e respeite os idosos