Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso

Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso
Av. André Maggi nº 6, Centro Político Administrativo Cep: 78.049-901- Cuiabá MT.

Salesiano Santo Antônio

Salesiano Santo Antônio
Rua Alexandre de Barros, 387, Chácara dos Pinheiros Cuiabá

Seu título está na mão

Seu título está na mão
1º Título de Eleitor Decreto nº 3.029 - 9.1.1881

CÂMARA MUNICIPAL DE CUIABÁ

CÂMARA MUNICIPAL DE CUIABÁ
Praça Moreira Cabral - Centro - s/n - Cuiabá-MT

segunda-feira, 9 de maio de 2022

Mato Grosso 274 anos de conquistas

Mato Grosso é reconhecido como uma grande potência no agronegócio, mas o poderio econômico também se deve muito ao setor do comércio, presente muito antes da criação da capitania mato-grossense, que neste 9 de maio completa 274 anos.
Desde a chegada dos bandeirantes no território mato-grossense, o comércio sempre movimentou a economia, ainda no período colonial com os serviços de escambo e trabalho dos mascates. Afinal, com a corrida do ouro pelas descobertas de grandes jazidas, fez com que muitos para cá viessem, e isso ajudou a povoar a região. E, é claro, o comércio se fazia presente fortemente com vendas de alimentos, vestimentas, entre outros.
No início do século XIX teve início a organização de casas comerciais, pois até então havia diversos estabelecimentos que concentravam o movimento comercial e financeiro da região, com 30 lojas de fazendas e de secos e molhados em Cuiabá. Além dos ‘boliches’ e botecos, onde os mineradores gastavam grande parte do ouro que angariavam durante o dia.
Tem-se conhecimento também que a empresa mais antiga de Mato Grosso é datada de 3 de fevereiro de 1893, a firma Victorio Irmãos Costas apresentava diversos produtos e era um negócio administrado pela família. Há registros datados em 1898 de um comércio de pessoas conhecidas no estado, como Pedro Celestino Corrêa da Costa, ex-governador de Mato Grosso.
Em 2020, em um levantamento realizado pelo Ministério da Economia, Mato Grosso aparece em primeiro lugar como o estado com maior crescimento percentual na constituição de empresas no primeiro quadrimestre de 2020. Ao todo, foram registradas no estado 21.040 novas empresas.
Os dados apontaram um crescimento de 19,1% em relação ao último quadrimestre de 2019 e 5,8% quando comparado com o mesmo período do ano passado. Do total, 5.993 foram empresas dos setores de Serviços, Comércio, Indústria, Agropecuária e outros, registradas na Junta Comercial de Mato Grosso (Jucemat).
É claro que com a pandemia, o reflexo negativo no comércio foi de imediato. O isolamento social com o “lockdown” e o desabastecimento de mercadoria nos gêneros alimentícios foi sentido na pele por muitos comerciantes, boa parte desses tiveram que fechar as portas.
Hoje, os comerciários, passada a fase crítica da Covid-19, vivem um momento em que buscam se reerguer no mercado. E neste dia, em que Mato Grosso completa mais um aniversário, não poderíamos deixar de relembrar a importância do comércio na história de nosso estado. Setor este que movimenta e sempre colaborou de forma significativa com o desenvolvimento mato-grossense!
Mato Grosso criou 63,791 mil novos postos de trabalho formal em 2021, ocupando a segunda posição entre os estados da região Centro-Oeste a contribuir com a geração de emprego no país, conforme dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), vinculado ao Ministério do Trabalho e Previdência!
Isso significa que “naquela pequena portinha” do comércio, muitas vezes pode ser o sustento de cerca de três famílias.
Parabéns Mato Grosso, parabéns aos que assim como eu escolhemos morar aqui, e juntos construir um estado cada dia melhor!
David Pintor, é comerciante e presidente da Federação da Câmara de Dirigentes Lojistas de Mato Grosso (FCDL MT). Email: david@castelovirtual.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ame,cuide e respeite os idosos