Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso

Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso
Cons. Benjamin Duarte Monteiro, Nº 01, Ed. Marechal Rondon

Prefeitura Municipal de Tangará da Serra

Prefeitura Municipal de Tangará da Serra
Avenida Brasil, 2351 - N, Jardim Europa, 78.300-901 (65) 3311-4800

Deputado Estadual Drº. Eugênio de Paiva (PSB-40)

Deputado Estadual Drº. Eugênio de Paiva (PSB-40)
Agora como deputado estadual, Eugênio tem sido a voz do Araguaia, representa o #VALEDOARAGUAIA! 100% ARAGUAIA!🏆

Governo de Mato Grosso

Governo de Mato Grosso
Palácio Paiaguás - Rua Des. Carlos Avalone, s/n - Centro Político Administrativo

Prefeitura de Rondonópolis

Prefeitura de Rondonópolis
Endereço: Avenida Duque de Caxias, 1000, Vila Aurora, 78740-022 Telefone: (66) 3411 - 3500 WhatsApp (Ouvidoria): (66) 9 8438 - 0857

sábado, 13 de janeiro de 2024

ÁFRICA DO SUL: Dissidentes do ANC anunciam "frente unida" na África do Sul

O líder do novo partido Congresso Africano para a Transformação (ACT), Ace Magashule, ex-secretário-geral do ANC, no poder na África do Sul, anunciou a intenção de criar uma "frente unida" com o ex-Presidente Jacob Zuma. Em comunicado, o antigo secretário-geral do Congresso Nacional Africano (ANC) e aliado próximo do ex-presidente Jacob Zuma - ambos integraram o uMkhonto we Sizwe (MK), o braço armado do ANC até 1994 - referiu que a "nova era de colaboração e mudança" terá por objetivo contestar as eleições gerais deste ano na África do Sul.
Magashule, 63 anos, que foi expulso do ANC em junho de 2023, após enfrentar na justiça um caso de corrupção, anunciou em agosto a criação do seu próprio partido político.
Jacob Zuma, 81 anos, envolvido em vários escândalos de corrupção, incluindo um caso de alegado suborno na justiça com mais de 20 anos envolvendo o fabricante de armamento francês Thales, não saiu do partido, mas anunciou no mês passado que não votaria pelo ANC, apelando ao voto num pequeno partido radical recentemente registado de nome Umkhonto We Sizwe (MK).
Segundo o partido ACT, Ace Magashule apresentará nos próximos dias, em Pietermaritzburg, capital da província do KwaZulu-Natal, sudeste do país, "a visão de uma frente unida entre o ACT e o MK".
Por outro lado, Zuma foi convidado a participar num serviço religioso organizado pela Igreja Baptista de Nazareth em Khenana, KwaZulu-Natal, no sábado. Segundo o partido, a igreja tem mais de 10 milhões de membros, sendo das "mais respeitadas" no país.
"Divisões profundas" no ANC
Segundo analistas políticos sul-africanos, as novas alianças dissentes do partido ANC, no poder há cerca de 30 anos na África do Sul, demonstra a existência de "divisões profundas" no seio do partido do líder histórico Nelson Mandela, que enfrenta nos últimos anos acusações de corrupção desenfreada, elevados níveis de crime organizado no país, desemprego e a quase falência das empresas públicas.
O desempenho eleitoral do ANC nas eleições gerais tem vindo a diminuir desde as primeiras eleições multirraciais e democráticas em 1994. O eleitorado, nomeadamente a maioria negra, afastou-se cada vez mais do partido no poder desde o fim do anterior regime de 'apartheid', em 1994.
O sistema segregacionista do 'apartheid' na África do Sul foi desmantelado através de negociações bilaterais e multipartidárias realizadas entre 1990 e 1993, que culminaram na assinatura de um Acordo Nacional de Paz, em 1991, e no estabelecimento da Convenção Multipartidária para uma África do Sul Democrática (CODESA, na sigla em inglês).?
A África do Sul, que é considerada a economia mais desenvolvida do continente, tem atualmente uma taxa de desemprego superior a 32%, tendo sido classificada como o país mais desigual do mundo pelo Banco Mundial.
Lusa/Caminho Político
@caminhopolitico @cpweb
Curta nosso Instagram: @caminhopoliticomt
Curta nosso facebook: /cp.web.96

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ame,cuide e respeite os idosos